19 dez Clubes de assinatura: como fazer para dar certo neste novo nicho do e-commerce

 

* por NB Press

O brasileiro deixou o receio com as compras online de lado e agora marca presença em um novo estilo de consumo: os clubes de assinatura. O cliente paga um valor por mês e os produtos são escolhidos e entregues em casa, com conveniência e originalidade. Uma pesquisa realizada pela ABComm (Associação Brasileira de Comércio Eletrônico) revelou que esse segmento movimentou R$ 600 milhões no ano passado e aponta um crescimento de 15% em 2016. Entenda os benefícios e segredos para aderir a essa modalidade:

  • Escolha um tema: O primeiro passo é fazer um recorte entre os produtos. Não adianta querer abranger diversos públicos, foque em um. Na hora da escolha, prefira aqueles de repetição, que se esgotam periodicamente no cotidiano, como por exemplo, cosméticos, alimentos, vinhos, cervejas, rações de animais, entre outros.
  • Seja autêntico: Não basta oferecer objetos, sua caixa deve conter artigos únicos e desejados. Tente personalizar, evite estragar a surpresa postando o pacote aberto nas redes sociais e procure não repetir peças de outros meses. Todos esses detalhes são importantes para proporcionar uma verdadeira experiência ao seu cliente.
  • Conquiste fidelidade: Demonstrar que cada comprador tem sua importância faz toda a diferença. Após três meses de contrato, uma boa ideia é conceder descontos especiais. Depois de um ano de parceria, o agrado pode vir em forma de brindes. Isso faz com que o consumidor mantenha o elo e indique o serviço.
  • Convença pela comodidade: o marketing deve ser voltado para a ideia de receber a coleção exclusiva todos os meses no conforto de casa, com dia marcado e sem se preocupar. Ao reforçar e honrar com esses princípios, o retorno é instantâneo.

 

* NB Press é uma agência de comunicação especializada em engajar marcas com seu target por meio de ações de assessoria de imprensa, conteúdo, blogs, newsletters, redes sociais e influenciadores – www.nbpress.com.br

Ainda não há comentários.

Escreva um comentário