Zona Norte: Cinco lugares para conhecer durante as férias

19 dez Zona Norte: Cinco lugares para conhecer durante as férias

Dezembro e janeiro são meses esperados pelos jovens: além das festas típicas, como o Natal e o Ano Novo, o verão e os dias de folga do colégio carregam a calmaria após um ano repleto de matérias, provas e exames. Apesar de alguns locais bastante visitados nessa época estarem fechados por motivos de prevenção à febre amarela, ainda há muitas opções para se divertir na Zona Norte de São Paulo. O Colégio Salesiano Santa Teresinha fez um roteiro especialmente sobre essa região para aproveitar durante o período. Confira:

Oratório Santa Teresinha: No início do século XX, uma chácara no bairro do Chora Menino foi comprada pelos Salesianos que serviu como campo de futebol para os alunos. Poucos anos mais tarde, em 1924, o Pde. Henrique Mourão fundou o Oratório Santa Teresinha. O feito foi realizado para cumprir uma promessa à recém canonizada Teresa de Jesus, que protegeu a instituição durante os conflitos vividos em meio a Revolução de 24. Até hoje, o Oratório recebe fiéis durante todos os finais de semana, com o intuito de unir catequese e o esporte.

Endereço: Rua Dom Henrique Mourão, 201, Santa Terezinha, São Paulo – SP

Centro de Tradições Nordestinas: Criado em 1990, o CTN fica no bairro do Limão e funciona como um ponto de encontro entre nordestinos, além de oferecer comidas típicas, músicas tradicionais e fortalecer a rica cultura do seu povo. Em 2003, o Centro recebeu o reconhecimento de Organização de Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP) e de Utilidade Pública Municipal pela Prefeitura de São Paulo. Atualmente, o estabelecimento recebe cerca de 70 mil pessoas todos os meses.

Endereço: Rua Jacofer, 615, Limão, São Paulo – SP

Centro Cultural da Juventude: Apelidado como CCJ, o espaço foi inaugurado em 2006 e é considerado o maior local voltado para programações juvenis. Conta com 8 mil m², composto por áreas de convivência e exposição, laboratórios, teatro, anfiteatro e salas direcionadas para danças, projetos, pesquisas, artes plásticas, além de ilhas de edição de áudio e vídeo. Com a programação inteiramente gratuita, oferece oficinas, workshops e atividades educativas.

Endereço: Avenida Deputado Emílio Carlos, 3641, Cachoeirinha, São Paulo – SP

Parque da Juventude: Marcada por violência e desrespeito aos direitos humanos, a Casa de Detenção de São Paulo – conhecida como Carandiru – foi desativada e demolida em 2002. O terreno deu espaço então para um local de recreação e atividade pública: o Parque da Juventude que foi fundado no ano seguinte, em 2003. Lá é possível desfrutar de quadras poliesportivas, faixas de cooper, trilhas e pistas de skate e patins. Outra opção é a Biblioteca São Paulo que fica dentro do parque e guarda mais de 30 mil livros que podem ser emprestados mediante cadastro.

Endereço: Avenida Cruzeiro do Sul, 2630, Carandiru, São Paulo – SP

Sesc Santana: Aberto ao público em 2005, o Sesc Santana reúne boas alternativas de lazer, como por exemplo, teatro, quadras esportivas, piscina, oficinas, restaurante e mostras de artistas consagrados. Assim como o restante da rede, é um presente para a população paulistana, já que grande parte de seus programas é gratuito ou por um valor bem baixo. Mensalmente, a instituição divulga em seu site o que estará disponível nos próximos dias, fique de olho.

Endereço: Avenida Luiz Dumont Villares, 579, Santana, São Paulo – SP

Ainda não há comentários.

Escreva um comentário